Nos dias 25, 26 e 27 de abril, a agenda de desfiles do São Paulo Fashion Week traz para a passarela as coleções de designers reconhecidos pelo Projeto Estufa. As marcas foram vistas pela primeira vez na edição 46 do evento e convidadas a integrar o Projeto por sua identificação com as questões de futuro que envolvem a plataforma.

“Entendemos que essas marcas já nascem conectadas a um pensamento novo e trazem em seu DNA novas formas de criar, produzir e distribuir. Identificamos nelas uma sinergia natural com um desejo que permeia nosso inconsciente coletivo desenhando o futuro que queremos para a moda”, comenta Graça Cabral, especialista em economia criativa e curadora de conteúdos do Projeto Estufa.

Para disseminar as reflexões no ambiente digital, uma websérie está sendo veiculada nos canais da SPFW nas redes sociais, que aborda os pilares Pluralidade, Criatividade, Inovação, Sustentabilidade e Futuro, característicos do Projeto Estufa. Com depoimentos de designers que veremos na passarela e profissionais do mercado, a série também pode ser vista no ARCA, antes dos desfiles do Projeto e na praça desenhada por Guto Requena, que acolhe a todos os convidados do evento.

A programação do Projeto Estufa tem, para o dia 25 (quinta-feira), desfiles da Aluf e Victor Hugo Mattos, desfiles de Ão e MiPinta no dia seguinte, dia 26 (sexta-feira) e, para encerrar, as grifes Lucas Leão, Korshi e Led, no sábado (27).

Sobre o Projeto

O Projeto Estufa é uma plataforma de economia criativa, valorização de identidade, inovação, diversidade e sustentabilidade. Apresentado pelo Santander, foi criado com o objetivo de ampliar as possibilidades e dar espaço a novos mercados, e discussões sobre o futuro. A plataforma quer revelar e apresentar novas formas de criar e produzir, fomentando a economia criativa brasileira.

“O Projeto Estufa dá oportunidade para que novos olhares estéticos entreguem para nossa sociedade possibilidades de relações mais humanas, afetuosas e responsáveis. Os desfiles dessa nova geração nos dão pistas para entender demandas urgentes que devem ser ouvidas, compreendidas e discutidas para conseguirmos, de forma coletiva, construir um futuro melhor para todos”, explica Olivia Merquior, curadora dos desfiles.

Desde 2017, o Projeto Estufa apresenta novas marcas nas passarelas do São Paulo Fashion Week. Exposições, laboratórios e seminários também são formatos que a ação explora para provocar reflexões e projetar conceitos de futuro na moda brasileira.

Sobre a SPFW

Sob o tema “Qual é a sua Utopia?”, a 47ª edição da São Paulo Fashion Week ocorre até o dia 27 de abril e convida a participar da construção de futuros cada vez mais criativos, colaborativos e afetivos. Apresentado pelo Banco Santander, a semana de moda tem intensa programação e desfiles que acontecem no espaço ARCA.

“Estamos todos em busca de respostas. O São Paulo Fashion Week sempre foi um espaço aberto de co-criação. É bom poder manifestar, abrir e compartilhar nossos ideais,” afirma Paulo Borges, idealizador e diretor criativo do SPFW.

A utopia de um mundo melhor e mais humano, em sintonia com novas demandas e necessidades, propõe uma reflexão sobre onde estamos e o que queremos alcançar com criação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dois × 4 =