Por Consuelo Blocker

@consueloblocker
@consueloblocker

Demorou um pouco para que eu entendesse Ponza. Uma linda ilhota na costa do mediterrâneo da Itália, entre Roma e Nápoles, que Roberto e eu escolhemos para tomar os últimos banhos de mar deste verão. Ao contrário do que pensamos, a ilha é cheia de natureza, sem frescura, super simples e confortável! Já é a segunda vez que vamos para lá e, por isso, resgatei algumas dicas sobre o local.

Quando ir?
Em agosto é impossível vir para Ponza, o ideal é em junho ou setembro.

Como ir?
Para chegar em Ponza, primeiro você precisa ir para Formia ou Anzio e, então, pegar o ferry boat para ilha, que dá uma hora e meia.


Onde ficar?
Ponza não tem hotel cinco estrelas. Na primeira vez, nossa escolha foi o Chiaia di Luna, que é daqueles com um charme antigo, como toda a ilha. Na segunda, ficamos em uma casa bem rústica pelo Aibnb.

 


Por quanto tempo?
Em Ponza, uma semana é a estadia perfeita. Mais que isso os passeios já começam a ficar repetitivos.

 Onde comer?
verão em Ponza
Ponza não é um lugar para quem procura shopping, e sim para aproveitar a natureza e a boa comida. Se você quiser comer muito bem, recomendo o restaurante Acqua Pazza. Gostei da decoração e do lindíssimo logo, que é tanto retrô quanto moderno. Ao sentar, o guardanapo de linho já me seduziu. A luz baixa e o menu adicionaram ao prazer. O sommelier entendeu o nosso gosto por vinho branco e ainda sugeriu algo que trouxe ao paladar o perfume da vegetação local e dos minérios do solo!  Bingo! Outro bonito e gostoso restaurante é o Eea. Para chegar lá é uma subida, mas a vista vale a pena. Comemos e bebemos bem e o serviço foi ótimo!

verão em Ponza

 

O que vestir em Ponza?

 

Uma das perguntas que me fazem muito é como se vestir na praia da Europa. É bem simples, na verdade, bem informal. Você pode usar batas, vestidinhos ou shorts com uma camiseta soltinha. Como a cidade possui temperaturas bem altas no verão, recomendo que você leve roupas de linho, fresquinhas.

 

O que fazer?

Uma das coisas mais maravilhosas para se fazer por aqui é andar de vespa, especialmente no verão. O cheiro é incrível, devido às árvores de figo e erva doce. Ponza também não tem muitas praias de areia, uma das poucas é Cala Feola. Por esse motivo, ela fica lotada, principalmente por famílias. Por 70 euros, você aluga um barco pelo dia todo e eles ainda te dão uma sacola com gelo para colocar comida. Eu sempre prefiro ver a ilha pelo mar, porque é mais bonito. Outra coisa que você tem que fazer por aqui é visitar Palmarola, uma ilha próxima. Ela é desabitada, tem uma ou duas casas e um restaurante pequeno. Para chegar, demora entre 40 e 50 minutos de barco, por isso é importante programar bem o dia.

verão em Ponza

Curiosidades

  • É muito interessante o relacionamento que os italianos têm com o mar e com a praia. Acho que, pelo fato de ser uma península, o mar é importante para eles não só pela beleza, mas porque tudo depende disso, inclusive a comida. Em grande parte da história da Itália, a geolocalização e a água em si foram muito importantes. Eles esperam o ano todo para viver o verão e buscam lugares que tenham praia até mesmo no inverno.
  • Uma curiosidade sobre os europeus é que eles não saem da praia com o maiô molhado, então sempre levamos um a mais e algumas toalhas.
  • Eles chamam a praia de banho, então toda vez que entram na água eles contam como um. Por exemplo, se a pessoa entrou três vezes no mar, ela diz que tomou três banhos.
  • Outra coisa que me perguntam é se a água é muito fria. Durante o mês de agosto a água começa a esquentar, então em setembro é quentinha.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 × 4 =