Destaques da London Fashion Week Digital

0
573
Publicidade

Entre os dias 12 e 14 de junho, ocorreu a primeira edição completamente digital da Semana de Moda de Londres, que contou com lives, exposições, documentários, desfiles virtuais e espaço para compras. Entre as sessões de fotos com número reduzido de modelos, reutilização de materiais e minimalismo, selecionamos os maiores destaques da London Fashion Week Digital. Confira:

RIXO Resort 2021

Com o tema “Flora”, a coleção Resort 2021 da RIXO mistura o maxi aquarela às estampas delicadas, com flores de todas as formas e tamanhos. Fotografada com apenas uma modelo no jardim da co-fundadora Henrietta, a linha traz um retorno à simples vida no campo, com design minimalista que dá o foco às estampas.

reM’Ade by Marques ‘ Almeida

reM’Ade é uma nova marca da família Marques’Almeida, que propõe designs novos e clássicos, feitos exclusivamente com matéria-prima e tecidos reciclados. Fotografada com somente duas modelos, a coleção piloto foi projetada como uma colcha de retalhos de tecidos de matéria-prima das coleções anteriores de M’A. A marca atual se caracteriza como slow fashion e trabalha apenas com a pré-encomenda, em que cada peça da marca é criada com base em uma demanda real por ela e somente quando há tecido para produzi-la.

Daniel W. Fletcher

Para sua coleção de outono/ inverno 2020, Daniel Fletcher trouxe o artesanato em peso, com a reutilização e reciclagem de recursos. De acordo com ele, a mensagem primordial foi a descoberta de identidade, com liberdade de expressão, gênero e sexualidade. O resultado são camisas e shorts com pegada navy e conjuntos monocromáticos pintados à mão por Fletcher durante o isolamento. As roupas de dormir em renda se tornam peças do dia a dia e o resultado permanece alegre e otimista, emergindo de um momento de luta e mudanças necessárias.

Bianca Saunders

A coleção de inverno 2020 “Videolight” de Bianca Saunders foi um dos destaques da London Fashion Week e apresentou suas raízes em cortes exclusivos que captam movimentos nas roupas. As típicas festas de formatura inspiraram o cenário de suas imagens, com tecnologias obsoletas do VHS.  Usando arames, recortes e forros, a designer se aprofundou no movimento irregular para dar vida á peças clássicas com herança jamaicana.

Teatum Jones

A coleção “Re-Love Part One” é uma ressurreição do próprio arquivo de estampas e tecidos de Jones, que foram trazidos de volta à vida em uma compilação dos maiores sucessos do designer. A marca concentrou seus esforços na ressignificação de produtos com o objetivo de ser Zero Waste. No design, estruturas clássicas e fluídas e o mix de estampas marcam as peças.

Preen by Thornton Bregazzi

Preen By Thornton Bregazzi foi fundado por Justin Thornton e Thea Bregazzi. A coleção “Seansonless” estabeleceu a essência da sensibilidade punk da marca com elementos vintage e detalhes artesanais. Nessa temporada, a chamada para a coleção é “uma pausa no tempo, uma atualização, uma campanha sem temporada”. Comprometida com a busca da sustentabilidade, a marca usa de tecidos e peças recicladas. Atualmente, suas coleções são 70% sustentáveis e pretendemos 90% até o final de 2021.

Publicidade