Publicidade

Apesar de não ser um evento de moda, nos anos em que acontecem as olimpíadas, sempre surgem especulações e fica no ar aquele suspense e ansiedade para ver o que tem de novo nos uniformes olímpicos de cada país, já que alguns são desenvolvidos por designers famosos.

Este ano não foi diferente e Rachel Jordan, Consultora de Imagem e Comportamento, traz o seu olhar sobre as peculiaridades e características de uniformes de países como Libéria, USA, Austrália, Japão, Itália, Grã Bretanha e Canadá.

“As Olimpíadas não são estritamente um assunto de moda, mas isso não significa que os uniformes não tenham uma mensagem por trás de sua confecção. Neste ano podemos ver desde alfaiataria a jeans, preocupação com sustentabilidade e orgulho cultural sendo apresentados”, afirma Rachel.

Austrália

Austrália uniformes
Imagem: Divulgação

Para Rachel, o aspecto mais marcante do uniforme australiano é a arte indígena encomendada pelo Comitê Olímpico Australiano ao boxeador olímpico de Pequim 2008, Paul Fleming, que aparece em uma das camisas da equipe homenageando os antigos atletas indígenas. 

Chamados de ’52 etapas’, serpenteando até um ponto de encontro circular, as etapas representam cada um dos atletas indígenas da Austrália que competiram nas Olimpíadas anteriormente.

Japão

Japão uniformes
Imagem: Divulgação

Os atletas olímpicos e paraolímpicos japoneses usaram uniformes oficiais na cerimônia de abertura que homenageia a história por meio das roupas que sua equipe usou nos primeiros Jogos de Tóquio em 1964.

Com as cores da bandeira japonesa, as roupas são unissex e podem ser ajustadas de acordo com as especificações de cada atleta. Projetados com a sustentabilidade em mente, eles são feitos com fibras de plantas que não agridem o meio ambiente e possuem recursos que protegem os atletas contra o calor.

USA

EUA uniformes
Imagem: Divulgação

Os uniformes da equipe americana que foram projetados pelo estilista Ralph Lauren foram pensados para “abraçar a responsabilidade de proteger o planeta que chamamos de lar”. significa que eles investiram em maneiras de tornar os uniformes mais sustentáveis.

Além disso, o cinto foi feito de garrafas plásticas recicladas e a camisa tingida com uma solução de tratamento especial que permite que menos água e menos energia fossem utilizadas no processo de tingimento.

 

Grã-Bretanha

Grã Betanha uniformes
Imagem: Divulgação

Assim como a equipe do Japão, as roupas da Equipe Grã-Bretanha, desenhadas por Ben Sherman, também homenageiam as roupas que seus atletas usaram durante os Jogos de Tóquio de 1964.

Essas roupas também são feitas de forma sustentável, usando algodão orgânico e fibra de bambu ecológica.

Itália 

italia uniformes
Imagem: Divulgação

O traje desenhado pelo estilista Giorgio Armani apresenta a bandeira italiana em formato circular na frente da jaqueta e da camisa.

“Dentro da gola da jaqueta estão as palavras “Fratelli d’Italia” ou “Irmãos da Itália”, palavras do hino nacional do país. Os tênis pretos que combinam também usam as cores da bandeira em seus cadarços. Achei super bacana essa ideia!”, diz Rachel.

 

Libéria

Libéria uniformes
Imagem: Divulgação

Telfar Clemens é um nome conhecido para qualquer pessoa que goste de bolsas de couro vegano. Este designer americano-liberiano aprovado por Beyoncé melhorou seu trabalho para ser o fornecedor oficial da Seleção Liberiana de Tóquio 2020. Trajes de um ombro só, calças de treino, macacões e mochilas são apenas alguns detalhes fashionistas da lista dos atletas.

 

Canadá

3920
Imagem: Divulgação

Hudson’s Bay, fornecedor oficial desde 2006, colaborou com a Levi’s para dar à Team Canada as icônicas jaquetas de caminhoneiro que os atletas vão usar. Inspirado no grafite e no streetwear, esta moda jeans dupla homenageia Tóquio de forma única e artística. Junto com os jeans brancos da Levi’s, o look completo é um forte aceno ao clássico smoking canadense e, para não mencionar, assumidamente canadense. Além do mais, é uma jaqueta de caminhoneiro unissex que também celebra a inclusão e a neutralidade de gênero.

Publicidade