Publicidade
  @biafrata

Por Bia Frata
Dado o fato de que as pessoas precisam de um motivo para sorrir agora mais do que nunca, foi cativante ver alguns vestidos fantasiosos enfeitar a passarela do Inverno 2020.

Roupas que refletem um desejo de evasão para o reino das emoções e provocam uma verdadeira viagem pelo mundo imaginário, com sedução colorida e espontânea, evocam o tão cobiçado escapismo.

Muitas vezes confundida com boho-chic que, inspirado no espirito libertário e no estilo de vida anarquista e fresh para a época dos anos 60/70, quase sempre se caracteriza por peças superpostas, amplidão nas saias e vestidos, franjas, bordados e estampas, como na era “Peace and love.”

Para ter impacto, relevância e atualidade, o neoescapismo pode e deve assimilar no mesmo look pitadas de glam rock, luxo couture, minimalismo e entre outros estilos. Apesar de as formas serem amplas, longas e livres, também são construídas com o rigor e alta precisão couture.

As peças vieram carregadas de ideias sobre sofisticação, beleza e brilho com uma narrativa otimista e leve, bem oposta ao dos dias em que a era do streetstyle reinava.

É claro que a beleza está nos olhos de quem vê, e é por isso que os empecilhos da temporada variaram de peças arquitetônicas como Givenchy e Valentino, que pareciam oportunas e atemporais, a vestidos descaradamente femininos de marcas ultra chics como Carolina Herrera, Molly Goddard e Brandon Maxwell, que combinaram habilmente cores atraentes, tecidos transparentes e detalhes suntuosos para um efeito sublime.

É verdade que você pode não encontrar uma desculpa para usar esses vestidos de destaque todos os dias, mas eles são peças de alta qualidade e, com os devidos cuidados, você os usará e os valorizará nos próximos anos.

A nova maneira escapista e bela de se enxergar o futuro não os deixa de lado, porém a ideia de que o discurso politico e social das coleções seja gritante, transparente e central não é mais o foco principal, e se transforma ao poucos em valores que já são essenciais a serem praticados sem a necessidade de se utilizar disso como marketing.

O escapismo também é pura viagem, verdadeira ou imaginada, é algo que desperta a curiosidade. Afinal, quando o estilo pessoal é notório com um “ideal”, a mistura de influencias é sempre bem-vinda.

Compartilhe a Trend alert: vestidos fantasiosos.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here