Coringa nas fórmulas anti-idade, o Ácido Hialurônico está entre os ativos de beleza mais utilizados nos tratamentos rejuvenescedores devido a sua alta capacidade de hidratação. De acordo com a farmacêutica da Pharmapele Luisa Saldanha, a substância age preenchendo o espaço entre as células do tecido cutâneo, mantendo-a saudável e bem hidratada.

“Nos cosméticos anti-idade, a substância é utilizada como um poderoso hidratante, já que funciona como uma esponja, absorvendo a água presente na derme, camada mais profunda da pele, e armazenando-a para manter o tecido cutâneo bem hidratado”, explica Luisa.

Porém, engana-se quem acredita que essa é a única função do ativo. Existem diversos tipos de Ácido Hialurônico, cada um deles possuindo pesos moleculares diferentes e, consequentemente, ações e indicações distintas. “Enquanto o Ácido Hialurônico de alto peso molecular forma um filme sobre a pele para evitar a perda d’água, aumentando a hidratação e melhorando a textura da pele, o ativo com baixo peso molecular penetra profundamente na pele, atingindo a derme e estimulando a produção natural da substância. Com isso, promove a restauração da matriz extracelular da pele, com consequente melhora das rugas, linhas de expressão e viço”, diz a especialista.

Quando usar

Devido aos seus benefícios, cosméticos com o ativo podem ser utilizados a partir dos 20 anos de idade como forma de prevenir o ressecamento e o envelhecimento cutâneo. “A pele seca e sensível é a que mais se beneficia com a utilização do Ácido Hialurônico. O que não quer dizer que o uso da substância seja exclusivo para esse público, já que qualquer tipo de pele é capaz de se beneficiar com a utilização de cosméticos formulados com o ativo. Mas procure por aqueles produtos que contenham Ácidos Hialurônicos de diferentes pesos moleculares, para que atue em diferentes camadas da pele, promovendo tratamento global”, recomenda a farmacêutica. Vale a pena também procurar produtos que combinem Ácido Hialurônico com ativos que potencializem sua ação, como Vitamina C e Retinol, poderosos antioxidantes.

Modo de uso

Quanto ao modo de uso, cosméticos com Ácido Hialurônico podem ser utilizados de manhã e à noite na forma de séruns, cremes, géis e loções. Mas a indicação depende dos outros componentes presentes na fórmula. Por exemplo, caso o produto combine Ácido Hialurônico com Retinol, o recomendado é que seja utilizado apenas no período noturno. “E o melhor é que, apesar de ser especialmente útil nas estações mais frias pelo fato de a pele ficar naturalmente mais seca devido à baixa da temperatura, o ativo pode ser utilizado em qualquer época do ano, já que não é fotossensível ou potencialmente irritante”, destaca Luisa. Porém, a especialista ressalta que qualquer tratamento diurno com Ácido Hialurônico deve ser seguido do uso de um fotoprotetor com, no mínimo, FPS 30, que deve ser reaplicado a cada duas horas para proteger a pele e evitar a formação de manchas solares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

vinte − 13 =