Publicidade

“O consumidor é um cocriador da moda, retroalimentando o processo dos designers num diálogo em tempo real por meio das redes”. As palavras do idealizador e diretor criativo do São Paulo Fashion Week, Paulo Borges, resumem as últimas temporadas de desfile, em especial, a última edição N48. A rua é o grande palco de inspirações, o que cria um desafio constante para os criadores, que precisam de ideias novas a todo instante. O SPFW N48, que aconteceu entre 13 e 18 de outubro, no Pavilhão das Culturas Brasileiras, no Parque Ibirapuera, trouxe uma moda descomplicada, prática e pronta para ser adaptada para cada um. A Z Magazine fez uma leitura sobre as inspirações e tendências para o inverno 2020. Acompanhe!

1) Truques de styling

Se a ideia é reaproveitar, recriar e renovar, algumas marcas mostram como! Modem e João Pimenta, por exemplo, desfilaram várias formas de sobreposição para multiplicar as funções de uma peça, que se torna muito mais versátil. Já a Kosh, do Projeto Estufa, trouxe uma nova amarração para tirar as camisas do lugar comum.

2) Dá-lhe cinto

O acessório da vez tem nome, mas não tem lugar certo! É isso, os cintos apareceram em vários formatos, tamanhos e prontos para serem colocados em vários lugares, da cintura alta à mais baixa. Aliás, abuse aqui também da criatividade para se inspirar nas amarrações não tradicionais, que fogem do fecho e fazem nós ou laços.

3) Comprimento alongado

O trench coat deu as caras no inverno brasileiro para mostrar que sua função vai além de proteger contra o frio. A peça estratégica na montagem de looks também é curinga das regras de consultoria, já que alonga a silhueta e traz um ar de sofisticação à proposta.

4) Mangas imponentes

A suntuosidade foi vista na manga de algumas peças, que traduziram mulheres fortes e de presença marcante. Seja com os babados apresentados por Aluf, do Projeto Estufa, pelas camadas de renda de Reinaldo Lourenço ou até pelo volume assimétrico do Apartamento 03, elas são protagonistas da produção.

5) Leveza e transparência

Um toque veraneio migrou de estação para trazer fluidez ao inverno. Os tecidos leves, as transparências e até as rendas surgiram nos desfiles e podem dar jogo nos dias frios, se acompanhados de uma terceira peça inteligente. Os próprios trech coats podem cumprir esse papel!

6) Ombros retos

Linhas retas deram um ar estruturado aos ombros da temporada. Com forma retangular e design mais agressivo, eles trazem uma proposta suntuosa que permite harmonizar formatos de corpo e trazer personalidade à produção.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

vinte − quinze =